sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Hey funny guy...

. .
Começo a detestar as pessoas consideradas adultas… Começo a incompatibilizar-me com os seus pressupostos, preconceitos e presunções… Começo a ter medo de dialogar com alguém porque sei que a resposta estará prévia e tematicamente orientada mesmo antes de falar. Hoje ninguém dialoga. Hoje esgrimem-se argumentos impermeáveis à opinião e fundamentação alheia. Hoje parte-se para a abordagem a qualquer tema ou situação situando-se do lado errado ao que a ética recomenda, do lado menos sensato portanto, armando se com uma atitude ofensiva e presumindo assertivamente o erro do lado contrário.
Sempre fui dado a um eclectismo cultural que, assumidamente, não consigo alimentar e acompanhar. Porém, a minha sede de conhecimento e gosto pela discussão em assembleia leva-me a partilhar gostos e ideias com pessoas que não se dignam assumir o pouco domínio de algumas questões… Acabo por ser eu, humildemente, a desistir da discussão deixando-as felizes da vida por aquele pequeno momento de enganadora reinação… Um mal que se começa a generalizar!!!

Deixem-me voltar a ser criança…
.

1 comentário:

Campos disse...

Pior que ideias feitas ou preconceitos, é a ausência de ideias próprias... E alguns jovens caem frquentemente nesse erro, tentando quase a todo o custo transparecer uma imagem de diferença. O problema é que com tanta diferença acabam por ser todos iguais ao tentar serem diferentes...

(Campos)